DIA NACIONAL DA MATA ATLÂNTICA – 27 de Maio 2013

paranapiacaba_topo_ok

A Mata Atlântica é um dos biomas mais ameaçados do mundo e abriga uma das maiores biodiversidades do planeta também. Sua área original era cerca de 1,3 milhões de km², uma área que se estendia do Rio Grande do Norte até o Rio Grande do Sul, cobrindo quase todo a costa litorânea do Brasil e também entrando ao centro do país.

A sua destruição se iniciou praticamente com a chegada dos colonizadores, que logo descobriram a riqueza natural que ali existia, por exemplo e de acordo com os livros de história, exploraram o pau-Brasil até quase extingui-lo. De toda essa área original restaram apenas 6 a 7% que resiste bravamente a  ação do homem e por incrível que pareça a maior parte dessa área preservada está na região sudeste, onde também estão as cidades mais industrializadas e populosas do Brasil. Estranho isso não?!… Será que a população e os governos dessas regiões se conscientizaram e souberam do valor da Mata Atlântica e resolveram cuidar desse tesouro!!!! Infelizmente a resposta é não, essa região conseguiu se auto-preservar graças ao relevo cortados por serras. Em relevos acidentados e montanhosos fica difícil, plantar, criar gado, explorar a madeira e construir casas. Essa área tem apenas 52 mil km², quase nada,  perto do que era e a cada ano vai diminuindo.

Região de Mata Atlântica intocada.

Região de Mata Atlântica intocada.

A Mata Atlântica ainda  é pouco conhecida pela população em geral, um exemplo claro de desinformação e qualquer um pode constatar, pergunte a uma pessoa que mora na cidade de São Paulo sobre a serra que todos passam para ir à baixada santista, a Serra do Mar. Poucos sabem que a estrada corta um trecho de Mata Atlântica e também muitos não sabem, que moram numa região de Mata Atlântica, pois a cidade de São Paulo está numa área, onde outrora reinava a floresta.

Para preservar é preciso conhecer e entender o que se está preservando.
Mesmo com todo esse descaso, a Mata Atlântica ainda nos ajuda, protegendo mananciais importantes, termorregulando a cidade de São Paulo e fornecendo muitas aventuras em suas trilhas.

A água é abundante nesse bioma.

A água é abundante nesse bioma.

Alguns números da Mata Atlântica:

• Cerca de 261 espécies de mamíferos


• Cerca de 1020 espécies de aves


• Cerca de 197 espécies de répteis


• Cerca de 340 espécies de anfíbios


• Cerca de 350 de peixes

Parabéns Mata Atlântica, hoje não é seu dia e sim todos os dias do ano.
Conheça mais a Mata Atlântica com os roteiros do Bioventura, acesse:

http://www.bioventura.com.br/parque_zizo.html

http://www.bioventura.com.br/intervales.html

http://www.bioventura.com.br/petar.html

http://www.bioventura.com.br/cantareira.html

http://www.bioventura.com.br/paranapiacaba.html

 

Saiba mais também sobre esse bioma em:

http://www.bioventura.com.br/biomas.html

agua

Anúncios

22/03/2013 – DIA MUNDIAL DA ÁGUA

agua 2013
Hoje 22/03/2013 é o dia mundial da água… vamos comemorar.

Viva a água, o bem mais preciososo, desse planeta e que possibilita a existência de toda biodiversidade. Mas, ao longo da história, a água dos rios, mares e oceanos vem sofrendo com a degradação causada pela poluição produzida por nós.

O Dia Mundial da Água foi criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) em 1992. A partir daí esse dia serve para discussões sobre os infinitos temas relacionadas a esta riqueza da Natureza. Na mesma data, a ONU também divulgou outro importante documento: a “Declaração Universal dos Direitos da Água”. O texto apresenta medidas, sugestões e informações que servem para despertar a consciência ecológica das pessoas e dos governos para essa questão.

O ano 2013 foi declarado também pelas Nações Unidas, o Ano Internacional de Cooperação pela Água. O objetivo é conscientizar sobre a necessidade de cooperação por esse recurso e sobre os desafios no que diz respeito à gestão da água. Durante este ano, serão destacadas iniciativas em cooperação pela água e serão trabalhados temas importantes como educação ambiental com foco na água, diplomacia sobre a água, gestão da água em regiões fronteiriças, cooperação financeira, redes legais nacionais e internacionais e suas conexões com os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

agua paranapiacaba

A campanha “Water Cooperation 2013”, que abrange o Ano Internacional de Cooperação pela Água e o Dia Mundial da Água 2013, visa sensibilizar sobre os potenciais da cooperação pela água e seus desafios e facilitar o diálogo entre os atores, promovendo soluções inovadoras que favoreçam a cooperação pela água.

O que você pode fazer pela campanha?
Existem várias formas de ajudar na campanha “Water Cooperation 2013”. Podemos:
• Promover o Ano Internacional de Cooperação pela Água e o Dia Mundial da Água – divulgar a campanha entre seus contatos e suas redes de amigos, colocar o banner e a logomarca da campanha no seu site ou blog, curtir a fanpage da campanha e compartilhar seus posts, entre muitas outras formas de divulgação.
• Conscientizar a respeito dos benefícios da cooperação pela água.
• Reforçar e compartilhar o conhecimento relacionado com o tema.
• Desenvolver as capacidades dos stakeholders.
• Promover parcerias, diálogo e cooperação entre os stakeholders.
• Agir a favor da cooperação pela água.
• Fortalecer a cooperação internacional no que diz respeito à água, a fim de preparar o caminho para que sejam atingidos os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

bonito

 

Declaração Universal dos Direitos da Água
Art. 1º – A água faz parte do patrimônio do planeta.Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão é plenamente responsável aos olhos de todos.
Art. 2º – A água é a seiva do nosso planeta.Ela é a condição essencial de vida de todo ser vegetal, animal ou humano. Sem ela não poderíamos conceber como são a atmosfera, o clima, a vegetação, a cultura ou a agricultura. O direito à água é um dos direitos fundamentais do ser humano: o direito à vida, tal qual é estipulado do Art. 3 º da Declaração dos Direitos do Homem.
Art. 3º – Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados. Assim sendo, a água deve ser manipulada com racionalidade, precaução e parcimônia.
Art. 4º – O equilíbrio e o futuro do nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente para garantir a continuidade da vida sobre a Terra. Este equilíbrio depende, em particular, da preservação dos mares e oceanos, por onde os ciclos começam.
Art. 5º – A água não é somente uma herança dos nossos predecessores; ela é, sobretudo, um empréstimo aos nossos sucessores. Sua proteção constitui uma necessidade vital, assim como uma obrigação moral do homem para com as gerações presentes e futuras.
Art. 6º – A água não é uma doação gratuita da natureza; ela tem um valor econômico: precisa-se saber que ela é, algumas vezes, rara e dispendiosa e que pode muito bem escassear em qualquer região do mundo.
Art. 7º – A água não deve ser desperdiçada, nem poluída, nem envenenada. De maneira geral, sua utilização deve ser feita com consciência e discernimento para que não se chegue a uma situação de esgotamento ou de deterioração da qualidade das reservas atualmente disponíveis.
Art. 8º – A utilização da água implica no respeito à lei. Sua proteção constitui uma obrigação jurídica para todo homem ou grupo social que a utiliza. Esta questão não deve ser ignorada nem pelo homem nem pelo Estado.
Art. 9º – A gestão da água impõe um equilíbrio entre os imperativos de sua proteção e as necessidades de ordem econômica, sanitária e social.
Art. 10º – O planejamento da gestão da água deve levar em conta a solidariedade e o consenso em razão de sua distribuição desigual sobre a Terra.

Vamos cuidar do que é nosso garantir que esse bem precioso que posibilita a vida nesse planeta, não seja destruída por completo e consequentemente, nós também.

petar agua

Curta uma aventura na água com o Bioventura. Escolha a sua em:
http://www.bioventura.com.br/socorro.html
http://www.bioventura.com.br/bonito.html
http://www.bioventura.com.br/amazonia-rot.html
http://www.bioventura.com.br/cataratas.html
http://www.bioventura.com.br/paranapiacaba.html
http://www.bioventura.com.br/petar.html

agua

Cachoeira da Fumaça em Paranapiacaba

trilha ParanapiacabaNo feriado estivemos numa trilha em Paranapiacaba  a 40 minutos da capital, São Paulo – SP.
Após 8 kms de caminhada pelo meio da mata na Serra do Mar, depois de atravessar riachos e andar sobre as pedras, chegamos ao mirante com uma magnífica vista da cachoeira despencando do penhasco.

A neblina não nos pegou e até vimos, lá atrás, um pedacinho de Cubatão e de Santos.

O banho nas águas geladas da cachoeira e piscinas naturais são apenas para os mais corajosos, porém acaba sendo irresistível e quem não entra se arrepende depois…
Foi possível absorver toda a grandeza da Mata Atlântica e sair renovado desta aventura incrivel.

trekking em Paranapiacaba  Trilha Paranapiacaba